fbpx

Concurso assistente administrativo: Uerj x IFRJ

Principalmente para quem é do Rio e tem o ensino médio completo, tanto o concurso para assistente administrativo da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (Uerj) quanto o para o Instituto Federal do Rio de Janeiro (IFRJ) chamam muito atenção.

Mas será que dá para estudar para os dois concursos ao mesmo tempo? Segundo o diretor acadêmico da Folha Dirigida, Douglas Schneider, a resposta é não.

A dica do professor é fazer as duas provas, mas focar na preparação em apenas um dos concursos.

Para você que precisa escolher entre um dos concursos, listamos abaixo as principais informações, vantagens e desvantagens de cada um, além de um plano estudos elaborado pelo próprio Douglas Schneider.

Vagas nos concursos

A Uerj tem 20 vagas imediatas para assistente administrativo. Dentro do regime de recuperação fiscal, a universidade pode fazer até 250 convocações.

O IFRJ tem 23 vagas para assistente em administração. Já o instituto tem 71 vagas em cadastro reserva para o cargo, somadas a três vagas imediatas para assistente de alunos e 12 para CR.

Enquanto a Uerj tem como requisito apenas o ensino médio completo, o IFRJ pede o mínimo de 12 meses de experiência para assistente em administração e 6 para assistente de alunos.

Essa experiência pode ser comprovada através de declaração da empresa, notas fiscais MEI, carteira assinada, entre outras formas. Se ainda tiver dúvidas sobre como confirmar o requisito, envie uma mensagem para a ouvidoria do órgão.

Concursos Uerj X IFRJ: veja as diferenças e qual escolher

Concurso de assistente administrativo: remuneração

A remuneração da Uerj é de R$3.200, incluso auxílio-alimentação de R$600. Para assistente em administração do IFRJ, é R$2.904,96 e para assistente de alunos, R$2.403,07, ambos com auxílio-alimentação de R$458 incluso.

Em relação aos benefícios, a Uerj conta com:

  • Auxílio-alimentação de R$600
  • Vale-transporte
  • Auxílio funeral
  • Adicional de insalubridade para profissionais que atuam em hospitais
  • Auxílio-doença
  • Adicional por tempo de serviço
  • Auxílio ao dependente portador de necessidades especiais
  • Auxílio-creche

Já o IFRJ tem:

  • VT variável
  • Auxílio-alimentação de R$458
  • Ressarcimento de plano de saúde de R$1.101,56 a R$205,63, a depender da idade e remuneração

Ambos os cargos têm adicional por titulação. Na Uerj, para quem tem nível superior o valor da remuneração aumenta para R$3.325. No IFRJ, o servidor tem um adicional de 35% sobre o vencimento básico.

As carreiras têm 20 níveis, com progressão de aproximadamente um ano com avaliação de desempenho. As do IFRJ são regidas pela lei federal 11.091/2005 e a da Uerj pela lei estadual 6.701/2014.

Concurso de assistente administrativo: lotação

Nos dois concursos você não concorre para todas as vagas, mas para as posições disponíveis na unidade escolhida.

Na Uerj, as lotações são para:

  • Rio de Janeiro: seis vagas
  • Duque de Caxias: duas vagas
  • Ilha Grande: duas vagas
  • Nova Friburgo: uma vaga
  • Petrópolis/Teresópolis: uma vaga
  • Resende: uma vaga
  • São Gonçalo: três vagas
  • Complexo de Saúde*: quatro vagas

*As vagas para o ‘Complexo de Saúde’ são destinadas para atuação no Hospital Universitário Pedro Ernesto, na Policlínica Piquet Carneiro, no Núcleo de Estudos da Saúde do Adolescente, no Núcleo Perinatal, no Centro Universitário de Controle do Câncer, e no Núcleo de Atenção ao Idoso, vinculado à Universidade Aberta da Terceira Idade e o Núcleo de Estudos e Pesquisas em Atenção ao Uso de Droga.

Já na IFRJ, para assistente em administração, elas são para:

  • Reitoria, na Praça da Bandeira, Zona Norte da cidade do Rio de Janeiro – 13 vagas
  • Belford Roxo – uma vaga
  • Duque de Caxias – três vagas
  • Engenheiro Paulo de Frontin – uma vaga
  • Niterói – uma vaga
  • Paracambi – uma vaga
  • Pinheiral – uma vaga
  • Realengo – uma vaga
  • São João de Meriti – uma vaga

Para assistente de alunos, ela são para:

  • Arraial do Cabo – uma vaga
  • Nilópolis – uma vaga
  • Pinheiral – uma vaga

Concurso de assistente administrativo: inscrições

As inscrições da Uerj vão até o dia 16 de agosto, com prova no dia 17 de outubro. As do IFRJ vão até 22 de agosto, com provas marcadas para o dia 3 de outubro.

Apenas o concurso da Uerj tem redação. Ela deve ser uma dissertação com entre 20 e 30 linhas. Possivelmente, o tema envolverá algo relacionado à educação.

Além da redação, a prova da Uerj é composta de 15 questões de informática, 15 de Língua Portuguesa, 15 de Legislação (Direito Administrativo e Direito Constitucional) e 15 de Matemática.

A prova da IFRJ é composta por oito questões de Língua Portuguesa, cinco questões de Informática, sete questões de Legislação e Ética e 30 questões de conhecimentos específicos.

Para ser aprovado na prova da Uerj, o candidato precisa fazer no mínimo 30 pontos, acertando uma quantidade mínima de questões em cada disciplina. No IFRJ também é necessário acertar ao menos 30 questões, cerca de 60% da prova, com número de acertos mínimo por matéria.

Algumas dicas do professor Douglas são:

  • Se for fazer a prova da Uerj, deixe a redação para a última 1h30 de prova.
  • Para ambos os concursos, comece sua prova sempre pela matéria que tem mais facilidade.

Ele também considera que os dois concursos têm nível de dificuldade intermediário, condizente com o cargo.

Folha Cursos lateral

Como fazer um plano de estudos para o concurso de assistente administrativo Uerj

Conforme explicamos no início do post, você pode fazer os dois concursos. Mas a ideia é que foque o planejamento em apenas um.

Para isso, a sugestão de Douglas Schneider é manter o foco no concurso de assistente em administração do IFRJ, que está mais próximo. Em seguida, passar as duas semanas posteriores a ele se dedicando à prova de assistente administrativo da Uerj no que faltar nos estudos.

Como ambas as seleções já estão com edital publicado, não dá mais para procrastinar. Porém, com planejamento, é possível alcançar a sonhada aprovação.

Vamos começar falando para o planejamento para a UERJ? Lembrando que, apesar da sugestão do professor Douglas, cabe a você escolher qual se adequa melhor às suas necessidades!

Sessão de estudos

Para isso, será preciso ter um estudo com eficiência. Ou seja, aprender mais em menos tempo. A sugestão de Douglas Schneider é se organizar para ter pelo menos seis sessões de estudo de uma hora cada por dia, divididas da seguinte forma:

  • Estudo: 25 a 30 minutos
  • Questões: 10 minutos
  • Revisão: cinco minutos
  • Registro: cinco minutos
  • Descanso: 5-10 minutos

Como fazer um resumo

Lembrando que, ainda mais nessa reta final, o seu resumo precisa ser bem resumido, e não uma cópia da aula ou do material em PDF. Se você tem dificuldade com resumos, a dica que o diretor acadêmico da Folha Dirigida dá é usar flashcards ou grifos no material, com pequenas anotações ao lado.

Em suma, a ideia é que você faça a revisão com base no que produziu durante o estudo da teoria, e não que retorne ao material de base.

Também com essa ideia de render mais em menos tempo, sessões de estudo de uma hora, contando com o intervalo de 10 minutos, tornarão mais fácil estudar com atenção do que quatro horas de estudo direto, por exemplo.

É só lembrar de como era a duração da aula de cada disciplina durante o colégio. A diferença aqui é que você está estudando para concurso porque quer.

Outra dica importante é sempre fazer questões de fixação relacionadas ao conteúdo estudado, em cada sessão de estudos.

Isso porque é através delas que você verá como aquela matéria costuma ser abordada nas provas, ainda que as questões não sejam da banca do seu concurso. Se preferir não fazer durante a sessão, separe algum outro momento do dia para elas.

No momento do registro, é hora de anotar:

  • A quantidade de questões feitas
  • Quais questões acertou
  • Onde parou na matéria, seja na minutagem da videoaula ou no página do PDF, por exemplo

Ter isso anotado ajudará no controle dos estudos e na economia de tempo, na medida em que não será necessário ficar procurando onde você parou na hora de retornar para aquele conteúdo específico.

Matérias para a prova de assistente administrativo Uerj

Além da redação, a prova da Uerj tem 60 questões divididas da seguinte forma:

Com a data da prova próxima, Douglas Schneider recomenda fazer um ciclo de estudos único:

concurso assistente administrativo uerj

Na antepenúltima e na penúltima semana antes da prova, ele aconselha fazer um ciclo apenas de revisão. Por fim, na última semana de estudos, focar em apenas praticar com questões.

Tenha em mente que talvez você não consiga zerar o edital, mas isso não significa que você não vá passar.

Inclusive, no concurso em que o próprio professor Douglas foi aprovado, ele não havia conseguido fechar todos os conteúdos. No entanto, o que fez a diferença na sua preparação foi ter construído uma boa base para concursos administrativos.

Em resumo, o importante é chegar na prova com o conteúdo que você viu bem fortalecido, o que justifica a importância das revisões e resolução de questões.

Como cumprir o planejamento de estudos

Para conseguir cumprir esse planejamento diário, a dica que ele dá é estudar duas disciplinas antes do trabalho. Por exemplo, Português e Informática.

Na hora do almoço, fazer a revisão do conteúdo estudado no dia anterior em meia hora. Para, quando chegar em casa, pegar as outras disciplinas, aqui Matemática e Legislação.

Já as duas últimas duas sessões de estudo, seguindo a lógica de intercalar matérias, serão Português e Informática. E assim seguirá, sucessivamente, ao longo dos dias.

Como essa é a reta final do concurso, Douglas Schneider não aconselha tirar um dia de descanso na semana. Em vez disso, continuar o planejamento no sábado, para no domingo se dedicar exclusivamente à redação.

Com isso, você conseguirá estudar até mesmo 36 horas semanais, em vez das 30 horas sugeridas.

Lembrando que, se preferir, também é uma opção fazer sessões de estudo de 1h30:

  • Estudo: 40-45 minutos
  • Questões: 20 minutos
  • Revisão: 10 minutos
  • Registro: 5 minutos
  • Descanso: 10 minutos

Nesse caso, serão menos disciplinas diárias.

Independentemente da sua escolha, o importante é que com o tempo você crie uma rotina específica, de forma que sempre mantenha as matérias no mesmo horário, justamente para facilitar o aprendizado para o seu cérebro.

Como fazer um plano de estudos para o concurso de assistente administrativo IFRJ

Apesar de faltar menos tempo para ela, a prova da IFRJ tem 50 questões, sem redação. As disciplinas estão divididas da seguinte forma:

  • Língua Portuguesa (8)
  • Informática (5)
  • Legislação e Ética (7)
  • Conhecimentos específicos (30) – conteúdos Direito Administrativo, Administração, Redação Oficial, Matemática financeira e Raciocínio-lógico matemático

Justamente por estar mais próxima, aqui, o professor Douglas também sugere um ciclo único, com a última semana destinada a uma revisão final:

concurso assistente administrativo

Assim como para assistente administrativo da Uerj, o tempo é pouco. Portanto, ele não recomenda tirar um dia de descanso nesse momento, deixando os domingos para uma revisão semanal.

Nesse sentido, as dicas são as mesmas: assim como a música do Chico Buarque, todo dia fazer tudo sempre igual. Isto é, construir uma rotina de estudos em que as matérias estejam sempre nos mesmos horários específicos a cada dia da semana.

Ah, esse ciclo também pode ser utilizado para o cargo de assistente de alunos, já que as matérias são as mesmas!

Agora que você já sabe como se preparar para os dois concursos de assistente administrativo, em qual focará sua preparação?

folha cursos

Você pode gostar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *