fbpx

Como ser um escriturário do Banco do Brasil?

A publicação do edital do concurso do Banco do Brasil agitou tanto quem sempre sonhou com a carreira bancária quanto quem está em busca de uma oportunidade de emprego. Mas o que faz um escriturário do Banco do Brasil?

O cargo do concurso é esse, porém no edital 2021 veio dividido em duas áreas. (Inclusive, nessa matéria da Folha Dirigida, você saberá melhor sobre as áreas). Mas o escriturário é a porta de entrada na instituição.

Apesar da área de Tecnologia estar em constante crescimento dentro do banco, são diversas as possibilidades de atuação no Banco do Brasil para quem ingressa via concurso público na organização.

Conversamos com dois funcionários do Banco do Brasil que ingressaram como escriturários e chegaram à Diretoria de Tecnologia. Quem sabe um dia essa também não vai ser a sua trajetória?

Como trabalhar no Banco do Brasil?

Para trabalhar no Banco do Brasil, é preciso prestar concurso público. No caso do concurso 2021, as vagas são para os cargos de agente comercial e de agente de TI. Ao todo, são 4.480 posições, sendo 2.240 para início imediato.

Quatro mil são para agente comercial, metade para cadastro reserva, e 480 para agente de TI, também metade para cadastro reserva. Ambos têm como requisito o nível médio completo.

A remuneração é de R$4.508,40, incluindo salário base, ajuda alimentação e cesta alimentação. O regime de trabalho é de 30 horas semanais, no regime celetista.

As inscrições são até 28 de julho, no site da Fundação Cesgranrio, organizadora. No ato da inscrição, o candidato deve optar pela região/cidade que deseja concorrer, assim como o perfil profissional escolhido.

Para participar, é preciso pagar a taxa de R$38. A seleção será por meio de prova objetiva e redação, no dia 26 de setembro, e terá cinco horas de duração.

Possibilidades nas carreiras do Banco do Brasil

Marselia funcionária BB

Marselia Bourguignon é funcionária do Banco do Brasil há 10 anos (Foto: Arquivo Pessoal)

“A experiência como escriturária foi muito importante por poder lidar diretamente com os clientes, atender suas necessidades e conhecer a fundo o ‘negócio’ do banco”, conta Marselia Bourguignon, atualmente assessora III de TI como Trainee em Vila Velha, no Espírito Santo.

Quando passou no concurso Banco do Brasil, há cerca de 10 anos, Marselia teve que fazer uma pausa na carreira que já tinha na área de TI, onde trabalhava desde 1998.

Seis anos depois de entrar na organização, ela tentou o processo seletivo para ingresso na Diretoria de Tecnologia, o ProiTEC. Em sua segunda tentativa conseguiu a vaga. Isso foi em janeiro de 2021.

O Banco me deu a oportunidade de voltar a atuar na área de TI. Posso usar todo o conhecimento e experiência adquiridos nesses 10 anos para melhorar cada vez mais a experiência do cliente com o BB, afirma Marselia, que por uma década atuou no atendimento a clientes Pessoa Física nas agências.

Wellington Gomes Dias teve uma experiência parecida quando iniciou a carreira na instituição em sua cidade natal, Itamarandiba, Minas Gerais.

No início, ele trabalhou com o atendimento dos clientes Pessoa Física e Pessoa Jurídica do Grupo Negocial, passando pela carteira Pequena Empresa, onde lidava com clientes Micro e Pequenas Empresas (MPE).

Por fim, também conseguiu a aprovação no processo seletivo para ingresso na Diretoria de Tecnologia, também pelo ProiTEC. Atualmente, sua lotação é em Brasília.

Desde seu ingresso na rede de agências, ele concluiu a graduação, especializações, certificações internas e curso de Inglês até chegar ao cargo de Assessor de TI na Diretoria de Tecnologia, em Brasília, cargo que ocupa atualmente.

“Trabalhando no varejo, tive a oportunidade de lidar diretamente com o cliente médio do BB, conhecendo seu perfil e suas necessidades”, conta o funcionário.

Crescimento na área de TI

Wellington funcionário Banco do Brasil

Wellington Gomes Dias é assessor de TI na Diretoria de Tecnologia (Foto: Arquivo Pessoal)

No momento, Wellington atua na equipe responsável pelo sistema de garantias do Banco do Brasil. Entre suas responsabilidades, estão a elaboração, manutenção e implantação de soluções em conjunto com os gestores de produtos, principalmente a Diretoria de Crédito.

Já Marselia está fazendo treinamentos e trabalho assistido de desenvolvimento de sistemas em cloud do banco. Ela ingressou na área pelo programa de trainee na Diretoria de Tecnologia.

Ambos já sonhavam com uma carreira em tecnologia no banco. Principalmente Marselia, que já tinha trabalhado como contratada na área no Banco do Brasil, mas almejava se tornar funcionária efetiva:

“O Banco do Brasil é uma empresa muito grande, tem oportunidades de trabalho em diversas áreas de conhecimento e formação, valoriza seus funcionários e oferece muitos benefícios”, elogia.

Para Wellington, sua maior motivação para fazer o concurso foi saber da possibilidade de seguir carreira na sua área de formação. Alguns conhecidos seus já haviam feito uma trajetória parecida, o que fez com que visse uma oportunidade de trilhar o mesmo caminho.

Confira outros conteúdos com dicas de preparação para escriturário do Banco do Brasil:

Preparação para o concurso

Antes de conseguirem perseguir, dentro do Banco do Brasil, os cargos dos seus sonhos, tanto Wellington quanto Marselia tiveram que ser aprovados no concurso para escriturário.

No caso do assessor, ele já vinha estudando temas que caíram em provas anteriores. Com a publicação do edital, intensificou a sua preparação.

Para seus futuros colegas de trabalho, Wellington Gomes Dias deixa o recado:

“O que posso dizer aos novos candidatos é que o Banco do Brasil é uma empresa com diversos benefícios e que se preocupa muito com a formação dos seus colaboradores. Há oportunidades de ascensão para os mais diversos setores e especialidades.”

Agora que você já conhece o Banco do Brasil e seus cargos, comece sua preparação! Nesse post, você aprende como fazer um planejamento de estudos para escriturário.

Você pode gostar...

1 Resultado

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *